23 de mar de 2017

Melatonina: muito mais que a pílula do sono!

A melatonina (não confundir com melanina!) tem se popularizado muito pela sua eficácia, segurança e benefícios contra várias doenças. Se você já tentou de tudo para dormir bem ou simplesmente quer melhorar a sua qualidade de vida, vale a pena conhecer.
A melatonina é um hormônio sintetizado pela glândula pineal e tem como principal função a de induzir o sono. O hormônio também participa de outros processos fisiológicos e tem se mostrado um grande aliado no combate de algumas doenças.
O hormônio é um grande auxiliar do sistema imune, apresenta  atividade anti-inflamatória e antioxidante, mas a principal vantagem da  melatonina é mesmo a de regular o ritmo biológico. Pode-se dizer que ela consegue traduzir ao nosso corpo a informação de que “a noite já chegou’’. É a presença da melatonina que torna o processo digestório mais lento, promove a queda da temperatura corporal e da pressão sanguínea durante o período noturno.

Benefícios da Melatonina

Muitos estudos foram feitos em cima da melatonina, e descobriram-se diversos benefícios para saúde:
  • Trata distúrbios do sono, como problemas com insônia
  • Regulariza o sono
  • Protege e ajuda no tratamento de pacientes que sofreram acidente vascular cerebral
  • A melatonina pode auxiliar no tratamento do Parkinson
  • Melhora o sistema imunológico
  • Boa alternativa para prevenir enxaquecas
  • Controla a hipertensão arterial
  • Auxilia no tratamento da diabetes
  • Equilibra distúrbios emocionais

    Como a melatonina age no corpo?

    A produção da melatonina está diretamente ligada à presença da luz. Isso ocorre no momento em que a luz incide na retina, fazendo com que o nervo óptico e as demais conexões neuronais levem até a glândula pineal essas informações, de forma que a produção da melatonina fica inibida. O período em que mais ocorre sua produção é de madrugada (entre 2h e 3h da manhã), em um ritmo de vida normal. Entretanto, se há muita quantidade de melatonina em nosso organismo há um aumento significativo de sono, e do contrário, a tão temida insônia.

    Para quem a melatonina é indicada?

    Para quem tem baixa produção de melatonina. Muitas pessoas tem problemas para dormir e por isso recorrem a este suplemento, que  oferece o melhor benefício que são as noites de sono bem dormidas.  Com o passar do tempo a nossa produção de melatonina vai diminuindo, por isso os idosos se beneficiam muito.

    Como usar a melatonina?

    Se o seu problema para dormir é na hora de pegar no sono, tome 1 hora antes de ir para cama. Se o seu problema é acordar no meio da noite e não conseguir voltar a dormir, tome no momento que estiver indo para cama.
Postar um comentário