28 de mar de 2016

Resveratrol: Fonte da Juventude?

Resveratrol: Fonte da Juventude?Há alguns anos se divulga que uma taça de vinho, todos os dias, faz bem à saúde. O resveratrol, substância “milagrosa” responsável por estes benefícios, já é vendida até em cápsulas. Saiba o que a ciência tem a dizer sobre isso.

O que é Resveratrol?

O resveratrol é uma molécula encontrada principalmente na uva preta. Acredita-se que ela pode contribuir para a prevenção de doenças cardiovasculares e retardar o envelhecimento. Quando você ouve falar que “uma taça de vinho por dia faz bem à saúde”, normalmente é do resveratrol que se está falando.
O resveratrol é uma fitoalexina produzida naturalmente por algumas plantas quando estão sob ataque de agentes patógenos, como bactérias ou fungos. A substância também pode ser produzido isoladamente por síntese química (trans-resveratrol), sendo vendido como um suplemento nutricional.

Benefícios do Resveratrol

O resveratrol tem sido constantemente estudado por cientistas. Entre os benefícios com fortes evidências científicas podemos citar:
  • Reduz a produção de LDL (o colesterol “ruim ou de baixa densidade) pelo fígado. Um LDL em alta quantidade na corrente sanguínea leva à formação de placas de ateroma causando a elevação da pressão arterial e podendo desencadear obstrução dos vasos sanguíneos.
  • Aumenta a produção de HDL (o bom colesterol ou de alta densidade) pelo fígado.
  • Impede que ocorra a oxidação do LDL, bloqueando a absorção pelo organismo. Acredita-se que isso leve a diminuir as chances de desenvolver doenças cardiovasculares, como o infarto do miocárdio ou até mesmo o AVC.
  • Ajuda a inibir a produção da proteína beta amiloide que está ligada ao desenvolvimento do Alzheimer.
Resveratrol: Fonte da Juventude?

Alimentos com Resveratrol

A substância é encontrada primariamente nas uvas, principalmente na casca e nas sementes.

Vinho Tinto

O vinho tinto é o tipo de vinho que mais concentra resveratrol na sua composição. Isso se deve ao fato de este conter mais polifenóis que o vinho branco. Durante o processo de fabricação do vinho tinto, a casca da uva fica mais tempo em contato com as outras substâncias, como o álcool, do que durante a fabricação do vinho branco, e é na casca da fruta que o resveratrol está presente.
Quando as uvas são fermentadas por diversas semanas ou mais, elas liberam os flavonoides que evoluem para moléculas mais complexas como o resveratrol.
A má notícia é que essa fermentação não acontece por igual em todos os vinhos modernos. Hoje sugere-se que os grandes benefícios da bebida possam estar restritos a um modo de produção mais tradicional e caseiro (semelhante ao vinho tinto caseiro uruguaio).
Ainda, muitos especialistas acreditam que é um erro beber vinho achando que ele fará bem para a saúde. O álcool, mesmo em quantidades moderadas, está associado a diversos problemas de saúde, inclusive o câncer. Até o momento, essas evidências negativas são muito mais fortes que qualquer benefício que o resveratrol possa trazer.

Suco de Uva Orgânico

Como o suco de uva é feito de forma integral, usando cascas e sementes, o suco também oferece uma alta quantidade.
A produção do resveratrol é estimulada por ataque  de fungos, estresse e  radiação  ultravioleta. Por isso, o suco de uva orgânico tem uma concentração de resveratrol muito maior que o suco feito com uvas tratadas com pesticidas. Ao evitar defensivos agrícolas, a planta desenvolve mais sua autodefesa, e com isso gera mais resveratrol.

Outros Alimentos

O amendoim possui cerca de metade da quantidade de resveratrol encontrada no vinho tinto. O mirtilo, também conhecido como blueberry ou uva-do-monte, também possui a substância, apesar de ser menos de 10% do contido nas uvas. O fruto da amoreira também é vendido como um suplemento nutricional.

Fonte da Juventude?

Além de todos os benefícios citados acima, acredita-se que o resveratrol ajuda a desacelerar o processo de envelhecimento. Ele seria capaz de rejuvenescer a pele, melhorar os níveis naturais de energia, ou até mesmo prevenir a obesidade e o aparecimento de algumas doenças, inclusive câncer.
No entanto, a verdade é que essas afirmações não têm fortes bases científicas. Até o momento, estudos feitos em laboratório até revelaram resultados animadores em testes com camundongos, mas ainda não foram encontradas quaisquer evidências sobre a eficiência do composto em humanos.

Suplementos de Resveratrol

Resveratrol: Fonte da Juventude?
Com cada vez mais pessoas querendo melhorar a saúde, muitas buscam encontrar produtos “milagrosos”. Diante disso, a indústria de suplementos alimentares, não para de oferecer opções.
O resveratrol é um suplemento de saúde que ganhou enorme popularidade em todo o mundo durante os últimos anos.
Um dos principais problemas desses suplementos é que não é cientificamente comprovado que o resveratrol, isoladamente, traga todos os seus supostos benefícios. Especula-se que o resveratrol só seja eficiente quando aliado a outras substâncias, menos conhecidas, também presentes na uva. Essas substâncias formariam um conjunto, que funcionaria apenas na totalidade.
Se você optar por tomar, é preciso estar atento a qualidade dos suplementos. Os suplementos variam em grau de pureza, quem podem conter desde 50% até 99% de resveratrol. Quanto melhor a procedência de um suplemento, mais benéficos são seus efeitos para a saúde.

Efeitos Colaterais

A maioria das pessoas que fazem o uso da suplementação não apresentam efeitos colaterais. Porém, existem alguns relatos isolados de efeitos colaterais por alguns consumidores:
Durante os dias iniciais do consumo, eles experimentam uma sensação de ansiedade e crises de insônia, que geralmente vêm e vão em intervalos frequentes de tempo.
Outros sintomas são: falta de sensação ou formigamento nas mãos e pernas (principalmente quando o suplemento não é tomado apenas por um curto período de tempo). Diarreia ou dores de estômago (principalmente com suplementos de baixa qualidade, com muita concentração de uma substância chamada emodina). Aumento da pressão arterial, sensibilidade em relação a temperatura, palpitações cardíacas e descoloração da urina.
A suplementação ainda é contra-indicada a mulheres grávidas ou em fase de lactação; crianças; hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula.

Conclusão

O resveratrol é considerado um poderoso antioxidante com diversos benefícios comprovados pela ciência.
Apesar de todo esse alvoroço em volta do resveratrol, ele não faz milagres e nem todos os seus alegados benefícios são comprovados, especialmente quando tomados na forma de suplemento.
Até que estudos mais aprofundados sejam concluídos, creio que a melhor forma de obter resveratrol seja de forma natural; incluindo em seu dia a dia um suco de uva orgânico de vez em quando, ou em taça de vinho eventual com amigos.
Postar um comentário