18 de mar de 2015

Gosta de batata? Conheça as mais saudáveis e nutritivas!

A batata é um tubérculo muito usado na cozinha brasileira. É muito versátil, sendo usada em carnes, saladas, purê e, claro, da forma unanimamente preferida: batatas fritas. Porém, costumamos usar somente a batata inglesa, e desprezamos outras opções bem mais saudáveis e nutritivas! Conheça novas opções: seu paladar e sua saúde agradecem!

Batata Inglesa

É de longe o tipo mais usado no Brasil, com quatro variedades: a batata-branca, angola ou terra-nova; amarela e roxa e avermelhada.
Rica em carboidratos, a batata inglesa possui baixa quantidade de gordura e contém vitaminas do complexo B (a mais abundante é a B6) e vitamina C, além de ferro, potássio, cálcio, grande quantidade de fósforo e amido. Ao natural, 100 gramas possuem cerca de 70 calorias. Esse número cresce muito se elas forem fritas.
Esse tipo de batata tem alto índice glicêmico e, por isso, faz a glicose e a insulina dispararem no sangue. Em excesso, a insulina incentiva o armazenamento de gordura, sobretudo na região abdominal. Por isso, podemos dizer que a batata inglesa em geral, principalmente cozida ou frita, engorda. Por isso, se possível limite o seu consumo, procurando variar com outros tipos.

Batata Doce

A batata doce é um carboidrato complexo de baixo índice glicêmico, ou seja, a sua absorção pelo organismo é mais lenta, liberando gradualmente a glicose na corrente sanguínea e sem estimular muito a insulina.
A batata doce é rica em fibras, fonte de ferro,vitaminas E, A e C e potássio. O tubérculo possui cinco vezes mais cálcio, o dobro de fibras e mais potássio que a batata-inglesa.
Nativo das Américas, este carboidrato é considerado “do bem”. No Brasil, há quatro variedades: a batata-branca, angola ou terra-nova; amarela e roxa e avermelhada.
A batata doce estimula o intestino, auxilia no controle do diabetes e do colesterol e, mesmo sendo mais calórica do que a inglesa, a batata doce ajuda a emagrecer. Por seu baixo índice glicêmico, auxilia na queima de gordura e no ganho de massa muscular.

Batata Yacon

batata Yacon é uma grande aliada das pessoas portadoras de diabetes e também é cheia de benefícios para a saúde. É por isso que esse tubérculo que parece uma batata doce, tem consistência macia e gosto adocicado.
A batata Yacon ajuda a regular o intestino preguiçoso, melhora a imunidade do organismo, ajuda na reconstrução dos músculos. Por ser rica em potássio, previne cansaço, fadiga e dores musculares; Auxilia na prevenção de patologias cardíacas, pois atua no controle da pressão arterial. Saiba mais sobre a batata Yacon.

Batata Salsa ou Baroa

A batata salsa contém as vitaminas E, C e K, contém altos níveis de ferro, cálcio e potássio, magnésio e fósforo. Também conhecida como batata baroa, batata salsa e mandioquinha. Ela é de fácil digestão e energética é indicada para crianças, idosos e pessoas com organismo enfraquecido.
É uma das fontes excelentes de solúveis e insolúveis de fibra dietética, ajudando na constipação. Possui antioxidantes, como falcarinol, falcarindiol, panaxydiol, e metil-falcarindiol. Esses compostos têm função anti-inflamatória, antifúngicos e anticâncer e oferecer proteção contra o câncer de cólon e leucemia linfoblástica aguda (ALL).
Tem raiz rica em diversos grupos do complexo B de vitaminas, tais como ácido fólico, vitamina B-6 (piridoxina), tiamina e ácido pantatênico, assim como vitamina K e vitamina E.

Dicas de Consumo da Batata

Os nutrientes da batata podem perder-se no cozimento. Para manter seus nutrientes intactos, é preciso deixar a batata inteira, sem cortá-la e cobri-la com água o suficiente, até cozinhar por completo. A água do cozimento das batatas pode ser aproveitada: além de nutritiva, ela também ajuda a dissolver e expulsar substâncias venenosas do aparelho digestivo.
As batatas esverdeadas e as que estão em germinação nunca devem ser consumidas, pois produzem intoxicações que se manifestam através de cólicas, gastrites e até mesmo disenterias.
Então, se você gosta de batata, procure não consumir somente a batata inglesa, como é costume aqui no Brasil. Inclua os outros tipos de batata, que além de mais nutritivas, podem também ser bastante saborosas! Como sempre, a dica é não usar somente em um tipo: procure variar ao máximo a sua alimentação!
Postar um comentário