16 de dez de 2014

Viagens com crianças (1 a 3 anos)

O que você precisa saber

A partir de mais ou menos 1 ano e meio, os bebês costumam gostar de olhar para novas paisagens e ver novidades, mas até mesmo a criança mais extrovertida do mundo pode ficar nervosa e desconfortável por estar em um ambiente diferente. Ajude seu filho a se adaptar reservando um momento tranquilo só de vocês dois durante a própria viagem ou assim que chegarem a seu destino. 

Procure levar alguns brinquedos, bichos de pelúcia, "paninhos" ou quaisquer objetos familiares de casa para auxiliá-lo a se aclimatar. 

Por mais que dê vontade de fazer aquela viagem cheia de passeios que você e seu marido vinham adiando por causa da gravidez, considere ir para um local onde não precise ficar o tempo todo dizendo "não" para seu filho. Escolha um lugar que conte com áreas para crianças brincarem em segurança, assim ele se diverte e você não vai precisar ficar com o coração na boca o tempo todo. 

Saúde e segurança

  • Ao chegar, faça uma inspeção no quarto: em hotéis, verifique se o frigobar é baixo demais e ele conseguirá tirar alguma coisa de dentro; cheque se a porta para a varanda é fácil de abrir; cuidado com as tomadas.

  • Inclua chapéu e protetor solar específico para crianças na mala, assim como travesseiro e cobertor, se seu filho usá-los.

  • Se for viajar de carro, vale a pena comprar uma daquelas telas ou cortinas que encaixam na janela de trás para que o sol não incomode os olhos e a pele da criança. Ou então improvise uma cortina com uma fralda de pano.

  • Veja nossa lista de remédios e itens de emergência para ter certeza de que tem o que for necessário para lidar com pequenas situações médicas durante a viagem.

  • Lembre-se de que crianças de até 7 anos e meio têm que usar a cadeirinha do carro no banco de trás do veículo. Antes de sair, confirme se seu filho está bem colocado na poltrona e se o cinto que a prende não está frouxo.

Alimentação e sono

  • Embrulhe algumas opções de lanchinho para aquela fome que bate no meio da viagem: inclua frutas como banana ou maçãs, uma bolachinha de leite e algo para beber.

  • Coloque na bagagem babadores também, assim você evita muitas trocas de roupa por dia.

  • Caso seu filho ainda durma no berço, não se esqueça de avisar ao hotel ou pousada com antecedência, na hora da reserva, para não correr o risco de chegar lá e não ter onde colocá-lo. Outra opção, se você tiver, é levar um daqueles berços desmontáveis.

Dica do BabyCenter:Tenha sempre guardados em algum lugar saquinhos de plástico. Eles são um ótimo quebra-galho para aquela fralda suja que não tem onde jogar ou para uma camiseta toda lambuzada de sorvete. 

Passatempos

Além de alguns brinquedos já conhecidos do seu filho, inclua alguns itens novos (pode até ser frascos de margarina ou xampu limpos) na mala. Livrinhos ou a música que a criança costuma ouvir na hora de dormir também servem como aliados na ambientação a um novo lugar. 

Para quebrar a monotonia da viagem, surpreenda seu filho com um pacotinho embrulhado com uma novidade. Faça também muitas paradas (se estiver de carro) para evitar choro e mau comportamento de quem está entediado. 

Equipamentos

Veja o que pais e mães acostumados a viajar com crianças pequenas sugerem tanto durante o trajeto como na chegada ao destino. 
  • Um carrinho bem leve e fácil de desmontar e carregar.
  • Um canguru para colocar a criança nas costas ou junto ao peito.
  • Sacola menor e separada para levar as coisas das crianças durante passeios e saídas (e que, de preferência, inclua um trocador plastificado).
  • Troca de roupa completa para a criança e camiseta extra para os pais.
  • Para os menorzinhos, berço desmontável ou cercadinho.
Postar um comentário