30 de jul de 2013

10 Passos para adotar uma criança



1. Tomar a decisão
2. Cadastrar-se
Procure o Juizado da Infância e da Juventude mais próximo de sua casa para fazer um Cadastro de Pretendentes para Adoção. Ligue antes para saber quais documentos levar – eles variam entre os juizados. Pessoas solteiras também podem adotar, mas a Justiça ainda não prevê adoção por casais homossexuais.
3. Escolher o perfil da criança
No cadastro, indique o perfil da criança que deseja. Você pode escolher o sexo, a idade (no caso de crianças maiores de 3 anos, é chamada de adoção tardia), o tipo físico e as condições de saúde. Pense com calma e converse com outros pais para saber o que é bacana e o que não é em cada escolha.
4. Passar por uma entrevista
Até dois meses, uma psicóloga do juizado agendará uma entrevista para conhecer seu estilo de vida, renda financeira e estado emocional. Ela também pode achar necessário que uma assistente social visite sua casa para avaliar se a moradia está em condições de receber uma criança. Teoricamente, o poder aquisitivo influencia, mas não é decisório.
5. Conseguir o certificado de habilitação
A partir das informações no seu cadastro e do laudo final da psicóloga, o juiz dará seu parecer. Isso pode demorar mais um mês, dependendo do juizado. Com sua ficha aprovada, você ganhará o Certificado de Habilitação para Adotar, válido por dois anos em território nacional.
6. Mudar caso não consiga o certificado
Sua ficha pode não ser aprovada. O motivo pode ser desde a renda financeira até um estilo de vida incompatível com a criação de uma criança. Se isso acontecer, procure saber as razões. Você poderá fazer as mudanças necessárias e começar o processo novamente.
7. Entrar na fila de adoção
Com o certificado, você entrará automaticamente na fila de adoção do seu estado e aguardará até aparecer uma criança com o perfil desejado. Ou poderá usar o certificado para adotar alguém que conhece. Nesse caso, o processo é diferente: você vai precisar de um advogado para entrar com o pedido no juizado.
8. Aguardar a criança
A espera pela criança varia conforme o perfil escolhido. Meninas recém-nascidas, loiras, com olhos azuis e saúde perfeita – a maioria dos pedidos – podem demorar até cinco anos. A lei não proíbe, mas alguns juízes são contra a separação de irmãos e podem lhe dar a opção de adotar a família toda.

9. Conhecer o futuro filho

Você é chamado para conhecer uma criança. Se quiser, já pode levá-la para casa. Se o relacionamento correr bem, o responsável recebe a guarda provisória, que pode se estender por um ano. Mas se a criança tem menos de 2 anos, você terá sua guarda definitiva. Crianças maiores do que isso passam antes por um estágio de convivência, uma espécie de adaptação, por tempo determinado pelo juiz e avaliado pela assistente social.

10. Tornarem-se pais

Depois de dar a guarda definitiva, o juizado emitirá uma nova certidão de nascimento para a criança, já com o sobrenome da nova família. Você poderá trocar também o primeiro nome dela. E, por fim, lembre-se do mais importante: o vínculo de amor não depende da genética.Sou mamãe de 33 anos e meu sonho era se mãe ,minhas primas tudo casadas e com filho eu era única das prima sem se casada e com filho e meu sonho era se mãe eu dizia minha prima se antes dos 30 anos e não tivesse filho que iria adota uma criança , mas Deus me deu a graça de se mãe mesmo sendo mãe solteira é muito bacana você se mãe é uma coisa de Deus , mas é muito bacana também você adotar uma criança claro quando você esta preparada pra aquilo porque não é nada fácil é complicado é mãe se você quer se mãe eu acho que vale a pena você adotar sim qual criança que não gostaria de um lar mesmo aquelas grandes já que são complicado , os casais sempre querem um bebê nunca querem um grandinho já

O resultado do sorteio *

Eu meu filho já escolhemos o número e foi esse aqui
Os  números todos ai de 1 a 100Depois de sacudir ,sacudir ,meu filhote escolheu o número e o numero é



Dicas de cortes de cabelo feminino para o inverno 2013

cortes de cabelo para 2012 23  Cortes de cabelo feminino inverno 2013

As estações mudam e com elas chegam novas tendências, novos modismos, novos modelos … Quando o assunto é corte de cabelo vale a pena prestar atenção na TV, nas novelas principalmente e no que as atrizes e estilistas estão usando! A tendências do volume, cabelos naturais, repicados, esvoaçantes e bagunçadérrimos continua!
Porém a novidade neste inverno 2013 são o tamanho dos fios, isso ai, o que muda principalmente é o comprimento, a moda andava totalmente direcionada aos fios longos e médios, mas agora a sensação entre as mulheres está sendo os curtos, no máximo médios. A tendência chanel chegou para ficar e está por ai com várias opções.
O chanel está variando neste inverno tanto de comprimento como acabamento do corte, eles aparecem retos, diagonais, desfiados, repicadinhos, com a nuca totalmente a mostra ou não, com super pontas, com franjas retinhas, desfiadas, irregulares, longas, medianas e super curtinhas.As cores também são novidade, no verão o que marcou presença foram mechas californianas, luzes, tons claros e com aspectos bem naturais, neste inverno as cores estão um tanto ousadas, e o que vemos são tons fechados, sem misturas ou mesclas, preto, ameixa, vários tons de vermelho, loiro escuro, chocolate, marrons, todas cores fortes e vibrantes que valorizam o corte e aumentam a beleza dos cabelos.
Neste inverno 2013 a onda será o chanel sem dúvida alguma e as cores as mais escuras e brilhantes que você já viu até agora!

Fotos de cortes de cabelo para o inverno 2013

cortes de cabelo para 2012 3 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013cortes de cabelo para 2012 10 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
cortes de cabelo para 2012 23 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013cortes de cabelo para 2012 21 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
cortes de cabelo para 2012 20 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
cortes de cabelo para 2012 5 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013cortes de cabelo para 2012 6 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
cortes de cabelo para 2012 17 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013cortes de cabelo para 2012 1 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
cortes de cabelo para 2012 13 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013cortes de cabelo para 2012 22 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
cortes de cabelo para 2012 15 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
cortes de cabelo para 2012 18 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013cortes de cabelo para 2012 16 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
cortes de cabelo para 2012 19 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
cortes de cabelo para 2012 2 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013cortes de cabelo para 2012 11 180x180  Cortes de cabelo feminino inverno 2013
Você esperou tanto para que seus fios crescecem não é! Pois é, mas agora a moda é outra, não se preocupe o corte pode ser usado por qualquer mulher, basta optar por uma de suas variações.

E você, também gosta de usar tiara?

full


Você já deve ter percebido que as mulheres brasileiras estão cada dia mais estilosas, né? São tantos acessórios, roupas e penteados diferentes pra gente se inspirar, que fica fácil mudar de visual todos os dias.

Um dos acessórios que está fazendo a cabeça das meninas nas ruas é a tiara. Versátil, prática e superfácil de combinar, ela é uma das queridinhas da estação em vários estados brasileiros. Se você tem franja e mora em um local muito quente ou abafado, com certeza deve ter feito uso dela algum dia. ;)

full 

As cacheadas adoram usar modelos mais largos bem próximos do início da linha do cabelo, como o exemplo 3 das fotos acima, algumas meninas complementam o visual com um coque simples puxado para trás e outras adoram usá-la com um coque bem no meio da cabeça, desfiado e bem fofo.

Foto4aFoto4b

Cabelo dividido ao meio e tiara deixa o visual super feminino e é uma boa opção para trabalhar. Um coque altíssimo com uma tiara bem fina na frente para dar acabamento é fácil de fazer e super descolado. Uma ótima ideia é utilizar uma fita de cetim ou couro como tiara em festas. 

E para dar uma cara nova para aquela tiara velhinha, basta enrolar duas fitas de cores diferentes e colar o final de cada uma na base do acessório. Para finalizar aplique um broche pequeno ou uma flor, e pronto!

Qual é o seu jeito preferido de usá-las? Compartilhe

29 de jul de 2013

Opções saudáveis de lanche para seu filho comer na escola


Mães atarefadas e guloseimas em excesso podem resultar em uma combinação perigosa para as crianças. Birras e choros na hora de comer fazem da refeição um pesadelo para toda a família e essa rejeição por alimentos saudáveis tende a piorar principalmente na fase escolar, em que as opções de lanches nas cantinas começam a ficar restritas. Para driblar essa situação, a nutricionista Leila Froeder separou algumas dicas para seu filho comer de forma mais equilibrada.

A alimentação saudável é fundamental para garantir a saúde, o crescimento e desenvolvimento das crianças. A escolha de alimentos não saudáveis prejudica a formação de bons hábitos alimentares e pode favorecer o aparecimento de doenças ainda na infância, como obesidade, pressão alta, anemia e diabetes.

Estima-se que a obesidade infanto-juvenil tenha aumentado 240% nas últimas décadas. Estudos científicos revelam a existência de osteoporose em crianças e adolescentes, causada pelo consumo excessivo de refrigerantes. Segundo o Ministério da Saúde, atualmente muitas crianças e adolescentes têm apresentado altas taxas de colesterol, pressão alta, diabetes e doenças do coração, enfermidades que até então eram caracterizadas como doenças de adultos e que atualmente são ocasionadas devido a má qualidade na alimentação iniciada nos primeiros anos de vida. Em algumas regiões do Brasil, cerca de 15% das crianças brasileiras são obesas e em algumas cidades essa estatística aumenta para 30%.

Para equilibrar a alimentação das crianças e evitar as más escolhas, as refeições principais devem conter um alimento de cada grupo: cereais ou tubérculos, leguminosas, hortaliças e carne. Já os lanches devem conter um alimento do grupo dos alimentos energéticos (pães, bolos, biscoitos, cereal matinal), um item do grupo dos alimentos construtores (leite, iogurte e queijos) e um alimento do grupo dos reguladores (frutas).

Em relação aos lanches, as opções geralmente disponíveis nas cantinas escolares são ricas em gorduras saturadas, açúcares e sal, sendo responsáveis em grande parte, pela aquisição de maus hábitos alimentares. Alguns exemplos são os biscoitos recheados, hot dog , hambúrguer, bolos industrializados, salgadinhos em pacote (tipo chips), salgados folhados, balas, pirulitos, chocolates, sucos de caixinha e refrigerantes.

Para evitar o consumo destes alimentos, coloque na lancheira do seu filho substitutos como sucos naturais e salgados assados e estimule a boa alimentação sempre que possível.
Seguem algumas dicas e exemplos de lanches saudáveis.

- Abuse das frutas: ofereça duas frutas diferentes por dia, selecionando principalmente as da estação. Dê preferência as frutas ricas em vitamina A, como as amarelas ou alaranjadas e que sejam cultivadas localmente. Escolha frutas que não precisam ser adoçadas (Exemplo: laranja, caju, maçã, pêra, mamão, banana, melancia, goiaba, manga);
- Gordura - o famoso vilão: prefira salgados assados ao invés de folhados e frituras;
- Seja persistente: insista na oferta do mesmo alimento, em apresentações diferentes. Para aceitar um novo alimento a criança precisa experimentá-lo, pelo menos de 8 a10 vezes;
- Elimine os conservantes: prefira alimentos naturais, sem adição de açúcar e leia o rótulo das embalagens para não oferecer à criança alimentos que contêm aditivos e conservantes artificiais;
- Faça em casa: monte a lancheira com bolos e biscoitos preparados em casa, com farinha de aveia e suco de laranja ou uma maçã inteira;
- Invista nos lanches naturais: prepare sanduíches com atum, alface e cenoura, entre outros;
- Explore sua criatividade: use a imaginação e faça kits com cores variadas - suco de abacaxi com esfilha de escarola e uma goiaba é um exemplo de lanche equilibrado;
- Evite refrigerantes: mamão com laranja, maracujá com acerola e abacaxi com hortelã são combinações saborosas e refrescantes.

Paciência, persistência e dedicação resultam em crianças mais saudáveis e mais flexíveis na hora da comida. Esse é o caso do pequeno Leonardo, que alimenta-se adequadamente nas refeições principais e durante o dia faz lanches com frutas picadas. O bebê, com apenas 1 aninho, já balbucia algumas palavras e é exemplo de uma criança bem ativa e saudável.

"Sempre tento tornar a refeição um momento mais divertido. Crio pratos bem coloridos com os legumes, faço "aviõezinhos" e mostro meu contentamento toda vez que ele come tudo. Ele adora beterraba, mandioquinha e cenoura, e em sua lancheira não faltam frutas e leite", afirma Neuza Maria, avó do garoto e principal responsável por sua alimentação.

Confira opções de lanches equilibrados para a semana:

Num sábado de frio Samuka brincando do jeito dele*

Aqui pegando meus papeis pra cola na folha dele


Como é dedicado meu lindo ,da mamãe adora ele só não gosta de suas teimosias*